Seu cabelo precisa de nutrição?

Aprenda a identificar a porosidade do seu fio e descubra como acabar com esse problema!

Cabelos cacheados, geralmente, tendem a sofrer com um pouco mais de frizz. Mas, as cacheadas e crespas sabem que não tem nada pior do que aquele cabelo sem definição, todo elétrico, armado, opaco e enfraquecido.

Um dos motivos para essa situação pode ser a porosidade capilar. Se você também anda sofrendo com essas questões, continue lendo este post e veja quantas dicas bacanas trouxemos para você!

O que é a porosidade capilar?

A porosidade capilar está relacionada com a capacidade do fio de absorver água e outros tipos de nutrientes. Quando a cutícula capilar está muito aberta, ou seja, porosa, ela não consegue manter no seu interior nenhum dos nutrientes necessários para a saúde do fio.

ariana-prestes-30668-unsplash

O resultado é um cabelo enfraquecido, quebradiço e com tendência ao frizz. Porém, se a cutícula capilar está muito fechada, também temos problema. Afinal, será difícil para esse cabelo absorver os tratamentos e os nutrientes necessários para a sua saúde.

O ideal é ter um cabelo com porosidade média, capaz de manter no seu interior água e todos os nutrientes necessários para a sua saúde.

Causas

São muitas as agressões diárias que podem levar a essa situação, como o uso do secador e da chapinha sem nenhuma proteção térmica, o excesso de sol ou de cloro (caso comum em quem frequenta muito a piscina), tratamentos químicos feitos sem o devido cuidado e até problemas de saúde, como anemia, estresse e mudanças hormonais.

Como saber se meu cabelo está poroso?

Identificar um cabelo poroso não é difícil. Isso porque ele apresentará sinais claros de que não está saudável, como: muito frizz, ressecamento, falta de brilho, quebras constantes e uma fragilidade excessiva.

Nas mulheres de cabelos cacheados e crespos existe um teste bem simples capaz de identificar o nível de porosidade. Basta segurar uma mecha e esticar os fios.

Forme uma pinça com o polegar e o indicador e passe os dedos pelos fios. Se o seu cabelo estiver sem elasticidade ou se você sentir uma espécie de “areiazinha” isso pode ser um sinal de alta porosidade.

Qual a importância da nutrição para reduzir esse problema?

Acabar com a alta porosidade não precisa ser um desafio. Além de identificar o que está causando essa situação, é ideal investir na nutrição. Lembrando que, mesmo que o seu fio não esteja extremamente poroso, a nutrição é sempre fundamental. Afinal é ela que devolverá nutrientes importantes para a saúde do fio.

A nutrição se baseia no ato de repor os lipídios, garantindo que os fios ficarão mais brilhantes, sedosos e definidos. É fundamental investir nesse tratamento, porque é ele que faz o “selamento” das cutículas abertas e impede que o fio perca água e outros nutrientes.

Screen Shot 2018-07-11 at 20.37.22

 

Assim, se você só investe na hidratação, mas está com o fio poroso, você não  notará nenhuma melhora no seu cabelo. É preciso nutrir esse fio para que a cutícula consiga se fechar e reter dentro dela a água que você adicionou na hidratação.

Geralmente, as cacheadas e crespas precisam mais de nutrição do que as mulheres que têm as madeixas lisas, já que as ondulações naturais do cabelo levam a uma perda maior de oleosidade.

A constância desse tratamento dependerá muito do estado no qual o seu cabelo se encontra. Além das máscaras específicas, os óleos vegetais são extremamente indicados para o processo e podem ajudar a tornar os seus fios muito mais sadios.

Depois de ler essas dicas, ficou mais fácil combater a porosidade e o frizz? Então aproveita e divida essas informações com as suas amigas, compartilhando o nosso post nas suas redes sociais!

Espalhe Geral: